Relações da Fonoaudiologia com Outras Ciências

Não é possível estudar Fonoaudiologia sem utilizar informações da Física, da Biologia, da Psicologia, da Lingüistica, da Pedagogia, da Odontologia entre outras.
A seguir se fará uma breve descrição da relação da Fonoaudiologia com essas ciências, principalmente a Psicologia e a Odontologia que se relacionam muito com a Fonoaudiologia, já que alguns problemas fonoaudiológicos podem vir de alterações que profissionais nessas áreas trabalham, necessitando-se assim de um trabalho mútuo desses profissionais para se ter êxito na fonoterapia.


PSICOLOGIA

A Psicologia estuda os processos mentais da organização do pensamento em palavras, a cognição, o desenvolvimento da aquisição simbólica e o comportamento verbal. Trata-se da descrição, explicação e compreensão do comportamento humano durante a comunicação oral e gráfica; tendo-se ai o encontro da Fonoaudiologia com a Psicologia.
A sensação, percepção, imaginação, associação de idéias, memória, tendências, a afetividade, a intuição, os reflexos, a aprendizagem, o equilíbrio emocional, enfim, todos esses fatores influenciam muito no comportamento fonoaudiológico das pessoas.
Desse modo, muitas vezes um trabalho fonoaudiológico envolve também um trabalho psicoterápico, pois muitas vezes um problema fonoaudiológico provém de um problema psicológico.

ODONTOLOGIA

Temos várias especialidades:
- Ortodontia: tratamento das posições anormais dos dentes.
- Periodontia: tratamento das doenças gengivais.
- Endodontia: tratamento dos canais radiculares.
- Odontopediatria: tratamento odontológico em crianças.
- Cirurgia Oral: tratamento das lesões cirúrgicas orais e faciais.
- Prótese: reabilitação do índividuo através da confecção de aparelhos protéticos móveis ou fixos.
- Prótese buco-maxilo-facial: reabilitação de sequelas bucais, maxiliares e faciais através de aparelhos de prótese.

O ponto de encontro entre a Odontologia e a Fonoaudiologia é que ambas se ocupam da cavidade oral e para a Fonoaudiologia interessa muito as especialidades que cuidam de prevenir ou corrigir anatomias defeituosas, as maloclusões que possam impedir ou distorcer a pronúncia de alguns fonemas.
A área da Odontologia que mais se relaciona com a Fonoaudiologia é a Ortodontia. Em alguns casos de pacientes que vem fazer tratamento fonoterápico devido a Deglutição Atípica ( deglutição fora do padrão esperado, com interposição lingual) acabam com o tempo, desenvolvendo uma má posição dentária, precisando do trabalho ortodôntico para correção anatômica dos dentes.
O inverso também ocorre. Pacientes que procuram tratamento ortodôntico e por terem um posicionamento de língua inadequado, fazem com que o aparelho ortodôntico não consiga corrigir a alteração do padrão de mordida de oclusão.
Assim, enquanto o fonoaudiológo trabalha a questão " função" o ortodontista trabalha a questão "forma", aspectos intimamente intrínsecos.
Desse modo o fonoaudiólogo, fará um trabalho conjunto com o ortodontista, realizando um trabalho miofuncional e de adequar a normotonia dos OFAS (lábio, língua e bochecha) e funções neurovegetativas( mastigação e deglutição).

FÍSICA

A Física é uma ciência que estuda as propriedades dos corpos, bem como as leis e sistemas que regem o comportamento desses corpos, sem entretanto alterar a composição química dos mesmos.
Para o trabalho fonoaudiológico, é muito importante a Física, em seu ramo específico que estuda os sons em sua propagação, produção, natureza, recepção, enfim, o fonoaudiólogo precisa conhecer a Acústica.
Assim, a Fonoaudiologia vai se relacionar com a Física, usando dados e informações acústicas, para melhor compreender a voz humana como um som, o ouvido que capta sons e ruídos, bem como o ambiente que serve de região onde acontecem as vibrações sonoras; utilizando esses conhecimentos na área de Audiologia Clínica.

BIOLOGIA

Para a Fonoaudiologia, interessa o estudo anatomofisiológico que a Biologia faz do homem, principalmente no que se refere à fonação e audição e processos neurofisiológicos da comunicação oral e escrita. O valor da Biologia é básico para a Fonoaudiologia em seu aspecto fisiológico e anatômico.

LINGUÍSTICA

A Lingüística é o estudo geral das línguas e se relaciona com a:
- Semântica= estudo dos significados
- Lexicologia= estudo do vocabulário de uma língua
- Além disso, temos a Fonologia, Fonética, etc...
A Lingüística se relaciona com a Fonoaudiologia, principalmente no que se refere à estrutura das línguas, sendo que ela contribui para um maior esclarecimento da pessoa que exerce a linguagem através de idiomas que a humanidade usa.

PEDAGOGIA

A Pedagogia vai buscar os processos adequados para educar. Vem daí que a Fonoaudiologia sendo o estudo integrado da linguagem humana e audição e considerando que todos os seres humanos recebem educação através da linguagem e também se educam pelo processo de adquirir e melhorar a linguagem num processo de comunicação, temos aí a relação da Pedagogia com a Fonoaudiologia.

FONTE:
AMORIN, ANTONIO. Fundamentos Científicos da Fonoaudiologia. Ed Grafik, 19_ _.